Em Brasília, deputada Marinha Raupp destaca compromisso legislativo para fortalecer o cooperativismo

Para discutir medidas estruturantes que reconheçam o cooperativismo como modelo de geração de emprego e renda, de inclusão produtiva, financeira e de acesso a mercados, a deputada federal Marinha Raupp, membro da Frente Parlamentar do Cooperativismo (Frencoop) e o senador Valdir Raupp participaram de um café da manhã nesta quarta-feira (27), realizado pela Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB) no salão nobre da Câmara dos Deputados.

Marinha Raupp apoia o Projeto de Lei Complementar (PLP) 100/2011, em tramitação na Câmara, que permite que os municípios que tenham disponibilidade de caixa depositem os recursos nas cooperativas de crédito. Para isso, a deputada protocolou requerimento nº 7354/2017 solicitando a inclusão na ordem do dia para apreciação no plenário.

“As cooperativas querem estar mais próximas dos cooperados, atendendo a população. Precisam ter essa permissão para poder operar nos municípios, operar os fundos constitucionais, que são fundamentais para contribuir com o desenvolvimento econômico e social da região Norte. Nosso papel aqui é ajudar as cooperativas, os cooperativados e as pessoas. Conte conosco, comigo e com o senador Raupp”, disse a deputada Marinha.

O presidente da OCB, Márcio Lopes de Freitas, destacou o compromisso do cooperativismo no processo de recondução econômica do País e destacou o trabalho desenvolvido em Rondônia. “Hoje mais de 40% do sistema financeiro rondoniense é cooperativado. É um trabalho muito bem feito que o senador Raupp, a época governador, e a deputada Marinha vem fazendo desde a década de 90. Rondônia é uma referência pro Brasil em cooperativismo”, enfatizou. 

A deputada reforçou que seu mandato está à disposição e em favor da OCB/RO, presidida por Salatiel Rodrigues, e do Sicoob Norte (Central que congrega as cooperativas singulares do Sicoob em Rondônia), na figura do presidente Ivan Capra.

Ações institucionais – Além do PLP 100/2011, foi apresentada a pauta legislativa prioritária para o cooperativismo em 2017, como a Reforma Tributária (adequado tratamento tributário ao ato cooperativo), o PL 8.456/17 (desoneração da folha de pagamentos); o PLS 245/2017 e o PL 4.732/2016 (descontos para cooperativas de eletrificação rural na compra de energia elétrica); o SCD 6/2016 (tratamento diferenciado para pequenas cooperativas nas exigências de segurança bancária) e PL 4860/2016 (Marco Regulatório do Transporte de Cargas).

 

Assessoria de Comunicação
Deputada Federal Marinha Raupp (PMDB/RO)


Notícias Anteriores